Dubonnet Rouge


MUST HAVE
MUST HAVE

Criado em 1846 por Joseph Dubonnet, este aperitivo simboliza o encanto eterno do carácter à francesa. Dubonnet elabora-se segundo uma receita que tem ficado secreta, a partir de grenache, de moscatel de Alexandria, de carignan…, castas prestigiosas que formam uma união harmoniosa quando combinadas com o quinino, a laranja, o café verde, o Colombo… A elaboração deste aperitivo começa com a elaboração da mistelle (a nossa jeropiga). Efectivamente, as uvas são pisadas e prensadas, mas não fermentadas devido à adição de álcool de cereais neutro que fortifica o sumo de uva e impede a fermentação. Este mistelle é misturada com vinhos de base adicionais, envelhecida e finalmente infunsionada com canela, citrinos, camomila, café e casca de cinchona. Herdeiro de um “savoir-faire” ancestral, o mestre das Adegas Dubonnet realiza esta mistura delicada que seguidamente será envelhecida em barris de carvalho no mais grande respeito da tradição. Dubonnet degusta-se puro e frio, com ou sem gelo, em cocktail ou em long drink.


12.18 
  • Marca: Pernod
  • SKU: 3163933575001

Saiba Mais



O Dubonet foi uma das primeiras quinquinas bem sucedidas após o chamamento das autoridades francesas para criar receitas palatáveis de quinino.

Tem uma cor profunda de vinho e é agradavelmente doce com notas de ervas, amora, chocolate e, claro, da mágica e medicinal quinina.

Nos anos 1900, o Dubonnet era massivamente utilizado em cocktails e foi adoptado pela classe alta, incluíndo a realeza.
A falecida Rainha Mãe e, mais tarde, sua filha, a Rainha Elizabeth II, costumava beber quatro cocktails diariamente, e misturava frquentementeo Dubonnet com Gin.

COMO BEBER

O Dubonnet Rouge é servido fresco ou sobre gelo.
Ou pode ser servido à maneira da Rainha Mãe em partes iguais de gin.